terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Golpe em banho maria...

Sabe aqueles pensamentos que você tem, quer verbalizar e quando se dá conta, alguém já falou antes de você?

Pois é, isso acontece...

Há algum tempo venho ruminando a ideia de que seria bom que um candidato da direita se consolidasse...

Não que eu nutra grandes esperanças no processo eleitoral e/ou no sistema representativo que dele resulta, naquilo que os cínicos e os ingênuos chamam, por motivos diferentes, de Democracia...

De fato, nem sei se votarei nas próximas eleições...

Porém, não posso deixar de reconhecer as abissais diferenças entre um cenário com Lula eleito à presidência e o um candidato da direita...para o bem e para o mal...

Várias pessoas nas redes sociais já perceberam que a ausência de um candidato viável da direita pode precipitar a conjuntura institucional para um golpe além do golpe...

Os sinais estão evidentes...

E qual seria o pretexto mobilizador?

A última fronteira, por mais paradoxal que seja, é o judiciário...

Explico:

Uma vez terminado o trabalho de inquisidores, policiais, juízes e promotores perderão a utilidade!

Na gaveta dos golpistas estão os segredos do judiciário, até aqui bem guardados...

O ex-governador sérgio cabral tem sido mantido em "stand by", assim como seu ex-secretário régis fichtner foi mandado para casa, apesar de ser ele um dos principais articuladores dos esquemas judiciais do governo...era essa sua expertise, e pelo jeito, ela se mantém intacta...

Na fronteira da república de curitiba, parece que a fritura começou em fogo brando...

A exposição das mazelas do judiciário não estão "atrasadas" por acidente ou omissão...

O timing é calculado...

Impedir Lula de ser candidato pode não ser a parte mais difícil...A questão é que Lula já demonstrou enorme poder de transferência...

Dilma, por exemplo está aí intacta, e estrategicamente colocada "de lado", mas ao lado dele, sempre...

O apelo de uma reparação popular dela seria um feito de grandeza histórica que perpassaria o feito de Vargas em 1950...

Lula mantém-se, de forma sagaz, como alvo preferencial...

Se emplacar sua candidatura, ótimo, caso contrário, poupará os seus prováveis substitutos do assédio do aparato midiático-judicial...


Essa lógica já deve ter acendido a luz amarela na sala da injustiça...

Primeiro tentaram a velha tática de criar uma (falsa) polarização que justificasse uma alternativa de "centro"...Não deu, até agora pelo menos...

Resta quebrar o vidro de emergência...ou seja, dar a cabeça dos juízes e promotores em sacrifício no altar do deus-mercado!

Claro que nesse acerto de contas com as primas donas de curitiba vai ter muito sangue jorrando por causa das querelas fratricidas...óbvio...

Porém, a implosão da credibilidade da cidadela o golpe é como um ato de terror jacobino...

Detonar parte do judiciário dará o argumento necessário para intervenções clássicas: cívico-militares!


Então, para cozinhar o sapo (barbudo) não podem jogá-lo na água fervendo, porque ele salta...a jogada é aumentar a temperatura aos poucos...

Um comentário:

Anônimo disse...

não consigo entender vc aceitar lula e rejeitar garotinho. É muita incoerência.