quarta-feira, 17 de maio de 2017

E na terra dos filhotes da cachorra de guarus, uma dúvida incômoda...

Perguntar, em certos casos, deve sim incomodar e até ofender:

Uai, se o "escandaloso esquema" (como adjetivou impropriamente um juiz que deveria ser escritor de novelas, e não magistrado) dos cheques-cidadão é premissa para caçar e cassar um grupo político, o que dizer do loteamento descarado de direções de escolas públicas municipais, e tantos outros exemplos de apadrinhamento flagrados na atual gestão?

Uai, seguindo a mesma lógica, não estariam os atuais governantes "pagando" pelo apoio que receberam??????

Se é para criminalizar a política, devemos cair de pau em chico e em francisco, ou não?

Nenhum comentário: