quarta-feira, 8 de março de 2017

Nem deus consegue ser mulher...

Esse blog é ateu, todos sabem!

Mas não deixa de brincar e conversar com as diferentes crenças...

Esse ano, no 08 de março, vamos dar um enfoque, digamos, religioso a questão da mulher e seus direitos (ou falta de) pelo mundo...

É preocupante o fato de que todas as religiões monoteístas, eu me refiro ao Judaísmo, Cristianismo e o Islamismo, tratarem as mulheres de forma tão desigual, variando de cultura a cultura e de processo civilizatório para processo civilizatório...

Seja em questões como sexualidade, liberdade de ir e vir, seja em questões econômicas, sociais e/ou étnicas, o que foi reservado às mulheres só não está abaixo nas hierarquias sociais daquilo que cabe aos negros...

TODAS as sociedades do mundo, sejam aquelas que se considerem as mais avançadas, sejam as consideradas mais primitivas (embora essa hierarquia seja sempre uma falsidade ideológica) nutrem severo desprezo pelas mulheres...

Pelo critério dogmático de TODAS as religiões monoteístas, cabe a mulher a obrigação de gerar um filho que tenha sido resultado de um estupro!!!!

Nada simboliza maior violência que esse postulado religioso!!!

Para se ter ideia de como ser mulher é difícil, perguntem aos homens que creem em reencarnação, se gostariam de retornar ao mundo como mulheres...Acho que majoritariamente a resposta seja não...

Lembrem-se: deus é pai, homem, branco e europeu...

Ser mulher é tão difícil que deus quando quis vir a terra se fez homem...

E se Maria soubesse que geraria um filho-deus que espalharia pelo mundo uma Igreja que maltratasse tanto suas descendentes, talvez tivesse abortado...

As mulheres serão felizes quando deus-pai estiver morto...


Nenhum comentário: