domingo, 19 de março de 2017

Na era da pós-verdade, os filhotes da cachorra de guarus e vizinhos se divertem...2

Ontem tratamos do uso de "tragédias" fabricadas pela mídia para desvio da atenção do que realmente interessa...

Você pode ler aqui, se tiver paciência...

Vamos retornar ao assunto por um breve instante...

Primeiro: não sou autoridade sanitária, e portanto, minhas impressões se colocam no campo da percepção do usuário, de contribuinte e de eleitor...

Ora, para que servem as enormes filas ao redor de postos de vacinação centralizados?

Apenas para dar assunto a "matérias" pseudo-jornalísticas, com o único propósito de aumentar a percepção da população de que o (des) governo atual dessa cidade plana de merda, e da vizinha Macaé atuam em benefício dos seus cidadãos...

Qualquer especialista em epidemiologia sabe, bem como os estrategistas em imunização, que não faz sentido algum deslocar enormes contingentes de pessoas para buscarem a vacina, até porque, isso pode gerar o efeito contrário: pessoas cansadas da exposição a tamanho desconforto desprezam a vacina...

Qualquer idiota sabe que as crianças, adolescentes em idade escolar poderiam ser imunizados em suas escolas...O mesmo serve aos universitários...assim como funcionários públicos e de empresas com mais de 100 funcionários receberiam equipes para a prevenção..

A estrutura de atendimento primário (UBS) deveria estar a postos (desculpe o trocadilho) para oferecer as doses, assim como os acompanhantes dos pacientes nos hospitais e os próprios pacientes (se não houver restrição médica)...

Por fim, as equipes de atendimento do PSF, Programa de Saúde da Família (ainda existe isso nessa merda de cidade) completariam o esforço principal, deixando para o restante não imunizado para outras equipes móveis e os centros de vacinação...

Esse carnaval todo só serve a mídia cretina e aos (des)governos que os cevam com as gordas verbas pubicitárias...




Um comentário:

Anônimo disse...

Fui fazer o meu recadastramento na prefeitura nos altos da Fundação de Esportes e me deparei com uma fila (no térreo) para vacinação da febre amarela. Me questionei: Será que ninguém nessa prefeitura, num momento de genialidade, nao pensou em vacinar os servidores assim que saísse do recadastramento? Senta, recadastra, assina e tome aqui a sua vacina! Rápido, ligeiro! Precisaria deslocar apenas uma pessoa com as doses para o segundo andar. 20 mil vacinações garantidas! Sem mais filas! Nem deslocamentos! E uma prova de que se pensa no bem-estar do servidor. Porque ficar la, sentado no sol, pulando de cadeira em cadeira ate que chegasse a minha vez, sem água, sem um ventilador, durante 2h30 foi dose ...