quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Os filhotes da Cachorra de Guarus, O SEPEGATE e o esgoto...

Primeiro de tudo é bom avisar aos fascistas do atual governo coxinha: Não adianta matar o mensageiro ou apelar para o manjado truque de desqualificar a informação pela intenção de quem a publica...

Todo mundo que lê o blog sabe que o blogueiro é contrário a esse governo, assim como foi contrário ao governo anterior...

A razão: São farinhas do mesmo saco...

A realidade rapidamente nos mostrou isso...

Vamos desmistificar as coisas:

- Não há, eu repito, não há nada de novo em diretores sindicais usando seus cargos e seu capital político para angariar vantagens pessoais para os seus ou para si...

- Como não há novidade alguma em governos que cooptam sindicalistas para controlar movimentos sindicais e de contestação...

O problema é o nível de sofisticação e o "timing" (palavra da moda no universo coxinha)...

Fiquei profundamente decepcionado, não com a atitude fascista do secre(o)tário atual de educação em relação ao SEPE, e muito menos com o comportamento da diretora envolvida...como disse, os anos me ensinaram a esperar de tudo das pessoas...

Fiquei desapontado com a falta de inteligência do secre(o)tário e sua espiã, que sequer disfarçaram suas intenções, o que só pode significar uma coisa: Estão cagando e andando para o sindicato...

Em qualquer cidade ou país sério, caso um escândalo desse viesse à tona, o efeito seria a renúncia imediata dos envolvidos, o secre(o)tário e a dirigente sindical...por um motivo simples...

Se forem mantidos nos seus cargos, a sinalização é de que não fizeram nada demais, e que as relações entre governo e servidores se pautará, daqui por diante, por um mercado, um balcão de negócios, do pior tipo...

Caso o prefeito coxinha ache tudo normal, faça fuças de paisagem e mantenha o secre(o)tário no cargo, estará dizendo a todos que, se não foi sob suas ordens, pelo menos não considerou reprovável a ação, que passa a endossar com sua omissão...


Não divulguei os nomes da diretora sindical envolvida e sua apadrinhada por considerar que minha tarefa junto ao SEPE acaba aqui, sendo esse um fato que deve ser tratado política  e institucionalmente...


Nenhum comentário: