segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Chico Buarque e Zizi Possi - Pedaço de Mim (com legenda)





Palavra que só tem lugar em nossa língua, mas que dói em qualquer canto do planeta...

4 comentários:

Anônimo disse...

Que legal, a futura presidente do Supremo Tribunal não querer ser chamada de PRESIDENTA porque conhece muito bem a Língua Portuguesa.

Fala a verdade? Isso é uma Sabedoria humilde, não?

A Nossa ex Dilma deveria sentar no banco com a futura presidente do Supremo Tribunal. Quem sabe nem estaria correndo os riscos que correu. Afinal, vamos e venhamos, a mulher do bolinha dá um show de língua, não?

Será que depois desta volta a Língua Pátria teremos mesmo saudade das pataquadas do PT se metidando na Língua Portuguesa para levantar uma presidanta?

Anônimo disse...

saudade?

Anônimo disse...

saudade da presidenta? Tadinha da língua portuguesa!

douglas da mata disse...

Bem, carmen lúcia, assim mesmo com letra minúscula, porque ela sequer tem estatura para envergar nome próprio, depois que disse que condenaria os réus da ação 470 não pelas provas, mas porque a lei assim o permitia, ou não a impedia (como assim?), deve saber tanto de português como de questões jurídicas, ou seja, nada.

Eu fico imaginando a gente falando a prefeito, a governador, a deputado, a senador.

Não que eu seja um fanático pelo formalismo culto da língua, que não significa erudição alguma (como imaginam os bocós colonizados), mas só elitismo...Língua deve, primeiro, servir para transmitir mensagens, a norma culta é só uma variação utilizada para casos específicos.

Tanto que eu já disse aqui, um zilhão de vezes, que algumas expressões consideradas erradas vão sendo incorporadas até se tornarem regras.

A questão em torno da presidenta, que já foi exaustivamente explicado e já ratificado pelo Houaiss, como verbete, é só sexismo mesmo.

Então fica assim, passemos a escrever a prefeito, a governador, a deputado, a senador...

É triste ver uma mulher assumindo para si um discurso sexista...depois reclama se a gente mandar ela de volta para casa para bordar para os netinhos, ao invés de ficar fazendo merda no stf.

Depois perguntam porque as mulheres continuam sendo tratadas como lixo...pois é...