sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Outras planícies!

Duas notícias que revelam os bastidores da "guerra ao terrorismo" promovida pelo EEUU, e que desde que começou teve o "mérito" de tornar o mundo muito mais inseguro que antes...


Dinheiro não leva desaforo para casa!

O governo estadunidense pagou milhões de dólares as empresas Yahoo, Google, Microsoft, Facebook, que em troca "facilitaram" o acesso a dados de estadunidenses e cidadãos de outros países, conforme noticia o El País e o The Guardian.

Reservoir Dogs: Os Cães de Aluguel

Já a polícia inglesa metropolitana, também conhecida como Scotland Yard, afoga suas conhecidas eficiência e tradição para submeter-se ao alinhamento e subordinação da política externa dos governos recentes (trabalhistas e conservadores) aos interesses estadunidenses.

Após a prisão de David Miranda, companheiro do jornalista-colaborador do The Guardian, Gleen Greenwald, que ajudou o ex-analista de informações Edward Snowden a revelar a espionagem violação de privacidade  dos internautas pelos EEUU, o jornal The Independent traz matéria (aqui), que diz que a polícia inglesa está sob forte pressão dos órgãos independentes de fiscalização para apurar os registros de reclamações em 18 casos de detenção, onde há indícios de abuso de poder.
Foi dado um prazo de 7 dias para a resposta da Metropol, ou o caso irá ser ajuizado em um tribunal.





Nenhum comentário: