domingo, 25 de agosto de 2013

E se fosse Lula?

Interessante matéria do jornal eletrônico GGN, onde Luis Nassif traz algumas revelações sobre ffhhcc e suas relações "no limite da irresponsabilidade", como ele mesmo já definiu em outro episódio não menos grave, a formação dos consórcios que arrematariam as teles na privataria tucana:

Banqueiro do propinoduto paulista vendeu apartamento a FHC

Jornal GGN - O dono do banco onde estava a conta “Marilia” – que abastecia o propinoduto da Siemens, no cartel dos trens de São Paulo – é a mesma pessoa que vendeu o apartamento adquirido pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, logo que deixou a presidência. E é um veterano conselheiro de políticos. Trata-se do banqueiro Edmundo Safdié. Em 2006,  tornou-se réu, acusado de lavagem de dinheito do ex-prefeito de São Paulo Celso Pitta, incurso na Ação Pena Pública no. 2004.61.81.004588-1, que tramita em segredo de Justiça.http://www.jfsp.jus.br/20061031celsopitta/
A rigor,  a compra do apartamento pode ser apenas coincidência. O apartamento adquirido – 450 m2 do Edifício Chopin, rua Rio de Janeiro, Higienópolis – fica a poucos metros do antigo apartamento de FHC, na rua Maranhão. Na época, FHC anunciou que pagara R$ 1,1 milhão pelo apartamento – valor considerado muito baixo por moradores do edifício. Mas também podia ser um agrado de Safdié, para se vangloriar de vender um imóvel para um ex-presidente.
Em outras operações, Safdié foi  mais controvertido. E a reincidência na lavagem de dinheiro - após o caso Pitta - pode explicar as últimas movimentações de Edmundo Safdié, vendendo seus ativos para outro banco.
A conta “Marília” estava no Leumi Private Bank da Suiça, antigo Multi Commercial Bank. Entre 1998 e 2002 – segundo documentos em poder da Polícia Federal – a conta movimentou 20 milhões de euros. Aslton e Siemens – as principais financiadores do esquema – compartilhavam a conta. Segundo revelou ao Estadão o ex-presidente da Siemens Adilson Primo, a movimentação era feita pela própria matriz da empresa. Fontes do Ministério Público Estadual informaram a IstoÉ que dessa conta saiu o dinheiro para o conselheiro do TCE (Tribunal de Contas do Estado) Robson Marinho e para os lobistas Arthur Teixeira e José Geraldo Villas Boas (leia aqui).
Nesse período, a instituição era controlada por Safdié, da tradição dos banqueiros libaneses-judeus que aportaram no Brasil no pós-Guerra e especializaram-se em administrar fortunas nos grandes mercados internacionais.
A saga dos Safdié
Edmond Safdié foi um brilhante banqueiro que fundou o Banco Cidade em 1965 e, nos tempos do regime militar, mantinha estreitas relações com o general Golbery do Couto e Silva.
Em 1966 entrou no ramo de gestão de fortunas e administração de recursos no mercado internacional. Adquiriu em Genebra, Suiça o Multi Commercial Bank, mais tarde convertido em Banco Safdié. Em 1988 criou o Commercial Bank of New York. http://www.safdie.com.br/institucional/index.html
No final dos anos 90, a família decidiu concentrar-se em gestão de patrimônio, reorganizou as empresas e concentrou a gestão de patrimônio no banco suíço.
No final de 2012, Banco Safdié foi adquirido pelo Leumi, maior banco de Israel pelo critério de ativos. No Brasil, a família concentrou-se apenas na gestão de ativos depois que a crise de 2008 lançou desconfiança geral sobre gestores de ativos. Também podem ter contribuído para a reestruturação do grupo as ações internacionais contra lavagens de dinheiro, que expuseram Edmundo no caso Celso Pitta. http://www.leumiprivatebank.com/

O apartamento de FHC

Logo que saiu da presidência, Fernando Henrique Cardoso adquiriu de Edmundo Safdié o apartamento no 8o andar do edifícil Chopin, a poucos metros de seu apartamento anterior.
Na época, anunciou-se o preço de R$ 1,1 milhão. Embora anterior ao boom de imóveis em São Paulo, considerou-se que o preço estava subavaliado, para um imóvel de 450 metros quadrados. http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EDR48918-6009,00.html

11 comentários:

Anônimo disse...

E se fosse o Lula era pra bater também. Mas em compensação o PT tá atolado até o pescoço e tem explicação, José Dirceu tá milionário e tem explicação, o filho de Lula tá milionário (ah e com tá) e tem explicação, etc, etc, etc . Enfim, cada um escolhe que endeusa e pra quem fica cego. É assim mesmo!

douglas da mata disse...

Meu filho, antes de vomitar estas asneiras, leia o texto e o sentido que se procura imprimir ao debate:

Se o Lula 'tá rico, seu filho e Zé Dirceu, fodam-se eles...Se forem pegos, processados e julgados, azar o deles.

O problema, e sempre tem um problema por trás das simplificações rasteiras como a sua, é justamente os dois pesos e dois medidas:

Zé Dirceu julgado e condenado em um tribunal de exceção, enquanto o caso mineiro e paulista dormiram em alguma gaveta por anos, e até hoje.

Agora está aí o apartamento do ffhhcc, a incrível "coincidência" apontada pela matéria, e de novo perguntamos, e se fosse o Lula?

Ora, se fosse o Lula já estaria preso ou executado em algum pelotão de fuzilamento formado por imbecis como jabour, merval, magnoli, etc, para o delírio dos débeis mentais leitores do g(r)obo e da "óia".

Mas em tempo: diga para mim todos os bens de Lula, Dirceu e o filho do Lula adquiridos por meio ilícito ou que tenham vinculação com algum esquema espúrio...

Não vale especulação...tem que detalhar, especificar e vincular a algum crime, e serve um fato parecido como este aí do ffhhcc...

Anônimo disse...

"Tribunal de exceção" (é o STF hein?), José Dirceu e Lulinha milionários por meio lícito, é pra rir? É o que eu disse, cada um acredita no que quer. Se Lulinha não fosse filho do presidente era o que? Talvez um excelente metalúrgico. Tráfico de influência é meio lícito?. E se fosse filho do FHC que tivesse acumulado fortuna em 8 anos do governo de papai? O termo que você gosta de usar de simplificação rasteira é o contraponto dos seus textos rebuscados e bem escritos pra justificar seus ídolos, todos imaculados, vítimas da mídia idiota, imbecil, corrupta, etc, etc, etc.

douglas da mata disse...

Meu filho, 'cê desaprendeu a ler:

Onde estão os dados sobre o enriquecimento ilícito de Lula, Dirceu ou o filho de Lula?

Bom, para seu governo, recentemente, tanto o MPF quanto a PF concluíram que as transações da empresa de jogos eletrônicos do filho de Lula aconteceram em ambiente legal e legítimo...

Agora, em relação a Paulo Henrique Cardoso, aí vai:

http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/suspeitas-acerca-de-paulo-henrique-cardoso-e-radio-disney


Destaco um trecho, caso a sua incapacidade de ler e entender te impeçam:

"(...)Os passos do grupo americano The Walt Disney Company no Brasil vêm sendo seguidos com atenção pelo Ministério das Comunicações. Foram constatados fortes indícios de que, por meio de uma manobra ilegal, a companhia seria a controladora da Rádio Itapema FM de São Paulo, conhecida popularmente como Rádio Disney. De acordo com as leis nacionais, empresas jornalísticas e emissoras de rádio e televisão não podem ter participação estrangeira no seu capital acima de 30%. Para mascarar a situação irregular da emissora, o grupo americano, um dos maiores conglomerados de mídia e entretenimento do mundo, estaria recorrendo a um personagem de peso como testa de ferro: Paulo Henrique Cardoso, filho do ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso. É ele quem se apresenta para os órgãos públicos como o acionista majoritário da Rádio Holding Participações Ltda., controladora de 71% da Itapema FM de São Paulo. Os outros 29% pertencem a The Walt Disney Company (Brasil) Ltda.

Documentos obtidos por ISTOÉ demonstram, no entanto, que a participação de Paulo Henrique Cardoso no capital da Rádio Disney é apenas simbólica. Na ficha cadastral da Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp), emitida na quinta-feira 17, quem aparece na posição de sócia majoritária da Rádio Holding e, portanto, da Rádio Disney FM é uma outra empresa: a americana ABC Venture Corp. O endereço da ABC Venture, registrada na Califórnia, é o mesmo de outras empresas do grupo Disney, como a famosa rede de televisão aberta dos Estados Unidos ABC, adquirida na década de 90. As coincidências não param por aí. Segundo o governo do Estado da Califórnia, a executiva responsável legal pela ABC Venture é Marsha L. Reed, cujo nome também aparece no quadro de funcionários de alto escalão disponibilizado no site do grupo Walt Disney. Na realidade, a ABC Venture (controladora da Rádio Holding e da Rádio Disney) é uma subsidiária da Disney Enterprises Inc., braço do conglomerado The Walt Disney Company.(...)"

Anônimo disse...

Bom, nesse caso o MPF e a PF são idôneos, claro. Tá bom, você me convenceu, todos são empresários de MUITO sucesso. Devem ter MBA em Warthon, Havard ou Princeton, são empreendedores de grande visão e MUITA, MUITA sorte. Você tem toda razão.

douglas da mata disse...

Não meu filho, não é por aí...titio vai soletrar:

Se o MPF paulista e a PF paulista, reconhecidamente secções jurídico-policiais do psdb, nada encontraram, é porque nada há!

O mesmo aconteceu com a Erenice Guerra, sucessora de Dilma, e sobre quem choveram denúncias infundadas, assim como tantos outros...

Quanto a MBA e outro titulação acadêmica, o desastre da administração do "príncipe" da sociologia se comparado ao semi-analfabeto Lula já diz tudo...

Mas se a comparação é no ramo empresarial, nem precisa citar que os maiores empresários da História nunca sentaram em nenhum destes bancos escolares...

Ahhhh, sim bush jr estudou em Harvard, 'tá tudo salvo, então!!!

E o caso phc, pimpolho-filho do ffhhcc, nada a declarar?

O problema de vocês reacionários não é a posição política de direita, isto é salutar na Democracia, mas a falta de argumentos e a burrice atávica!!!

Com uma oposição destas, sempre digo, vamos ficar mais 40 anos no poder...

Anônimo disse...

Rapaz você é um cara bem informado, quanto aos "maiores empresários da História" aí você tá mal, mas muito mal. O que você entende disso? Mas aí também é querer demais de você. E pegar Bush como exemplo é sacanagem, é afundar as instituições. Vamos acabar com elas e ampliar fortemente as escolas de metalúrgicos. Não é questão de cegueira, é de miopia, talvez atávica. Ah, eu não sou oposição, esta é uma posição sua, da forma como você consegue ver o mundo. E se ficarem mais 40 anos no poder, foda-se, pra mim tá bom.

douglas da mata disse...

Bom, mal informado está você:

Dos dias atuais para o passado, apenas a título de exemplo:

01- Bill Gates (não estudou em Harvard, Yale, Oxford, MIT, ou em qualquer outro lugar laureado).

02- Steve Jobs, idem, não concluiu a faculdade.

03- Henry Ford, Rockefeller, JP Morgan, Rotschild, e outros, idem, bis in idem.

No Brasil:

Família Diniz, Mendes(Murilo) Batista(pai de Eike), Moraes (Antonio Ermínio), Camargo Correa, Andrade (Andrade & Gutierrez), Setúbal(Itaú) Brandão (Bradesco), etc, etc, e tome mais etc.

Isto foi só para lhe mostrar que escola formal não traz sabedoria, embora o conhecimento científico não possa, em nenhum país que se preze, ser desprezado.

Mas daí a hierarquizar pessoas e seus capitais sociais pelos títulos acadêmicos vai uma distância enorme.

Como eu já te disse: você é fraco, argumentos ruins, encadeamento pior ainda...só publiquei teus murmúrios para diversão minha e dos leitores...

PS. Bush é o melhor exemplo para Harvard: tem prestígio, pagou, entra e consegue diploma...simples assim!

douglas da mata disse...

PS2: Sua posição (de quatro?) política, ou sua satisfação como governo não é problema meu, e eu acredito que citou este tema apenas para tentar se desvincular do rótulo que todo direitista escroto e conservador como você detesta: ser chamado de reacionário!

e não tem jeito: tem rabo de burro, orelha de burro, zurra igual a burro, ou é burro, ou é demotucano!

Anônimo disse...

Eu tinha um amigo de infância que era igual a você. Se ele não desse a última palavra ficava triste, brigava, era uma merda. Você parece uma criança. Repare que citei as instituições num exemplo do Lulinha. Aí você pegou exatamente as instituições citadas pra desmerecer o conhecimento. Citou alguns empresários sem estudo que tiveram sucesso como Lázaro Brandão, Sebastião Camargo, esqueceu Silvio Santos. Eu poderia citar alguns com estudo como Marcel Telles-Harvard, Carlos Brito-Stanford, João Paulo Lemann-Harvard e muitos outros. Aliás, Bill Gates estudou em Harvard, só não concluiu, mas é um ponto fora da curva. Os gênios não valem pra essa discussão babaca. Qualquer empresa desta, ao admitir seus CEOs valorizam sua formação acadêmica e tem nos seus quadros inúmeros formados nestas instituições e outras de excelência no mundo e também no Brasil. Mas volto a falar, você não alcança isso, você também é um ponto fora da curva. E essa mania chamar todo mundo de burro deve ser trauma de infância, já te elogiaram muito assim no passado.

douglas da mata disse...

Eu conheço bem tipos como você...também já conheci gente assim quando criança...

Primeiro: nenhuma discussão é babaca (até porque, não participo de discussões que julgo babacas), ainda que neste caso, meu interlocutor de porte como um.

Se não houver nada, ou pouca coisa para aproveitar(como são seus argumentos), ainda resta a utilidade de sabermos o que não devemos fazer ou falar.

Em suma, debater com você nos dá a chance de evitar sermos como você!

Isto, nos dias de hoje, é de grande serventia...

Bom, dito isto, eu estou pouquíssimo preocupado com sua opinião sobre mim, sobre minha infância...

Eu não chamo de "burro" os que detêm poucos argumentos, como aliás, dependendo do caso, também terei poucos...Todos somos burros...

A ofensa aqui tem outro sentido, digamos, mais pedagógico...

O problema é um néscio como você tentar sustentar uma tese sem o mínimo de embasamento...

Ofender gente como você é dizer: enfia sua arrogância no c...'

Se eu quisesse, de fato, ficar com a última palavra, bastava não publicar seus comentários(arghh!).

Bom, vejamos a dinâmica do nosso pequeno debate:

01- Quem iniciou com as considerações "ad hominem" foi você, em seu primeiro comentário, ao supor que eu estaria "cego pela idolatria"...

02- Bom, mesmo assim, eu incluí seus adjetivos dentro de um contexto, ou seja, dentro daquilo que contrapus e você silenciou:

Sobre os dados que solicitei, até agora nada(e olha que já houve tempo para pesquisar), sobre o filho de ffhhcc, também nenhuma palavra...Em suma, a cada traulitada, você se contorce e tenta dar a volta para não enfrentar sua carência argumentativa...

03- Restou a questão da sua tentativa chula de hierarquizar saberes, e agora quando desmascarado diz que não disse, não foi bem assim, etc e tal...

leiamos o que VOCÊ escreveu:

"(...)Devem ter MBA em Warthon, Havard ou Princeton, são empreendedores de grande visão e MUITA, MUITA sorte. Você tem toda razão.(...)"

Bem, se isto não é condicionar sucesso e visão a uma escolaridade formal, eu desaprendi a ler...

04- Agora leiamos o que eu escrevi, que você, de forma cretina e desonesta esconde ou finge que não viu:

"(...)Isto foi só para lhe mostrar que escola formal não traz sabedoria, embora o conhecimento científico não possa, em nenhum país que se preze, ser desprezado."

Está aí, para encerrar, de uma vez por todas, esta discussão.

Considero o saber acadêmico muito importante, e crucial, mas não é condição exclusiva para NADA...

Enfim, você demonstra ter gostado de levar as chineladas, caso contrário, não insistiria tanto...também já tive amigos assim na infância, como disse lá em cima: gostavam até de ser esculachados, apenas para se sentirem vivos!

É patológico, mas tem cura...(em alguns casos).