sexta-feira, 19 de julho de 2013

Quem dá o pão, dá o castigo...Último ato!

Tratamos este assunto nesta postagem aqui.

Pois bem, depois de encenarem alguma revolta com os mandos e desmandos do poder local, depois de encenarem uma solidariedade inexplicável com as redações do PIG local, os "artistas" de Campos dos Goytacazes, não se sabe eleitos por quem, ou portadores de qual fala institucional, encenaram, finalmente, uma reunião com o moça que dizem executar as políticas públicas (???) de cultura no município.

Um desastre, por onde quer que se olhe: Primeiro, desancaram a moça, chamando-a de todos os adjetivos pejorativos conhecidos, e agora, porque ela, em nome do casal de prefeitos, jogou a isca, resolveram reconhecer nela uma interlocução apropriada, mas como assim?

A moça melhorou de nível intelectual ou os atores, atrizes, e outros farsantes diminuíram o deles? Ou estava tudo sempre nivelado? Não saberei responder...

Depois, soubemos que o intermediário do encontro foi o fantasma do ex-secretário de Cultura, que vaga pelo limbo do ostracismo.

Como é que uma nulidade enquanto esteve à frente (???) da Secretaria de Municipal pode deter alguma legitimidade para interceder sobre o setor que ajudou a enterrar?

Triunfantes, os pândegos da arte(???) local sentem-se vitoriosos...Mas há de se perguntar: falaram em nome de quem os farsantes? 

Quem lhes delegou a agenda das demandas das políticas públicas de cultura locais? Os jornais e as redações? 
Como resultado de que processo político e de representatividade se colocam como porta-vozes das manifestações culturais, produtores, agentes de cultura? Meia-dúzia de cartazes na praça?

Já dissemos e repetimos: vão continuar a base do pão e castigo, e com esta atuação, muito menos pão e muito mais castigo...

Um comentário:

Anônimo disse...

ÁGUAS DO PARAÍBA X INEA: A PARCERIA QUE ENVERGONHA A CIDADE!
Esta parceria é o retrato do dinheiro público mal utilizado! A Empresa Águas do Paraíba é um câncer na nossa cidade! Além de assaltar seus usuários, com cobranças indevidas de esgoto, ela destrói nossas ruas! A Prefeitura asfalta as ruas, as Águas do Paraíba vai nestas ruas, abre buracos enormes, e faz remendos que em poucos dias tornam-se crateras! E o que dizer sobre os bairros da periferia? Nestes, em sua maioria, nem esgoto há, mas a cobrança é feita normalmente. Se o cidadão vai iniciar uma obra e abre um poço em seu terreno para fazer o concreto do alicerce, sem ainda ter feito o encanamento do esgoto, a Águas do Paraíba vai ao local e exige um pedido de ligação da água e cobra o esgoto, que ainda não existe. E para desespero do cidadão, o órgão que deveria fiscalizar este absurdo, é o INEA, órgão público, infelizmente patrocinado pela própria concessionária Águas do Paraíba, para estes casos e muitos outros de puro interesse financeiro da própria concessionária! Para isso eles são patrocinados! Este é mais um dos absurdos do nosso país, da nossa cidade. A maioria dos funcionários do INEA são funcionários de Águas do Paraíba, cedidos pela própria empresa para trabalharem para o Instituto Estadual do Ambiente, agindo como fiscalizadores para seus próprios interesses! Onde já se viu um absurdo destes: um órgão público trabalhando para o interesse de uma empresa privada?
Até quando teremos que conviver com tamanho descaso? Até quando teremos que pagar por serviços não prestados? Até quando teremos que aceitar a péssima qualidade da água e dos serviços desta EMPRESA? O povo está cansado, a cidade exausta, queremos justiça e que essa parceria seja desfeita urgentemente! Nem que tenhamos que levar em mãos todo este absurdo, já publicado inúmeras vezes em blogs, jornais, revistas, entre outros veículos de nossa cidade, para a Presidente Marilene Ramos, que vem tendo uma conduta corretíssima na sua gestão, pois acreditamos que o INEA de Campos seja o único do Estado a ter uma parceria desta forma, com uma empresa privada!