segunda-feira, 20 de maio de 2013

Pesão, um peso grande!

O candidato do governador vai mudar de nome, a se confirmar o seu desempenho. Vai continuar como aumentativo, mas deixará de ser um pé grande, Pezão, para se tornar um peso enorme, o Pesão.

Só isto explica o desespero do seu tutor, o governador cabral divulgado na coluna Rosa dos Ventos, da Carta Capital, e repercutida pelo Blog do Roberto Moraes.

Ué, se o governador não consegue transferir votos (será que ainda os tem?) ao seu "pesão", como imaginar que juntando-se com o cadáver de ffhhcc conseguirá causar transtornos a Dilma no Estado do Rio de Janeiro?

Como eu já disse, periga o governador esmolar uma vaguinha na chapa de um dos dois candidatos, ou de Dilma, ou da chapa garotista!

Nenhum comentário: