segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Planície internacional: Murdoch a um passo do fim!

Rupert Murdoch, o bilionário da mídia, maior tubarão da imprensa mundial, ídolo e referência para 10 entre 10 donos de corporações de comunicação ao redor do planeta, está cambaleando.

Após a prisão de cinco editores em Londres, todos envolvidos com os escândalos das escutas ilegais, corrupção e conspiração, que se juntam o outros quatro já presos no mês passado, o magnata vai ter que enfrentar um processo nos EEUU, abrindo assim outro flanco na sua defesa.

O FBI e outros órgãos estão processando suas investigações sobre as mesmas práticas cometidas pelo Império na Grã-Bretanha em solo estadunidense.

As apurações vasculham a possibilidade de que o grupo de mídia acessou as mensagens de voz das vítimas do 11 de setembro.

Além disto, assim como no Reino Unido, os repórteres e funcionários do grupo são acusados de pagar propinas a fim de obterem informação protegida ou confidencial.

Com tanto pela frente, Murdoch adicionou ao seu caríssimo time de advogados um ex-integrante do Departamento de Justiça(Ministério da Justiça para nós) e do Conselho da Casa Branca, o que sugere que está se preparando para um longo, caro e dramático processo.

Pela lei estadunidense, se Murdoch pai e filho sabiam das propinas e nada fizeram para deixar de que fossem pagas , responderão criminalmente.

Olhando assim, eu paro e penso, depois de toda esta crise no RJ e na BA: temos muito o que aprender!


texto baseado em matéria do The Independent, aqui

Nenhum comentário: