quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Desabafo!

Pois é, eu sei que vocês não vêm aqui para ler esse tipo de coisa, mas tem hora que não dá para segurar:

Fraudes nos ônibus, orçamento caixa-preta, imprensa de coleira, filhos em carros de empresários contratados, mão-de-obra terceirizada, contratos precários e concursos cancelados ou empurrados com "a barriga", obras paradas, superfaturamentos de computadores, leite, etc, saúde caótica, educação medíocre, boatos sobre finanças e investimentos, etc, etc, etc, etc e muito mais etc.

Eu confesso: Estou de saco cheio de reclamar, e ainda parecer que a culpa é nossa! As possibilidades políticas de reação e alternância de poder estão contaminadas e seriamente comprometidas.
Não se trata de saber quem tem mais votos, mas sim quem tem mais dinheiro para arrecadá-los.

Não há diálogo possível com esse pessoal que serve a um deputado condenado por formação de quadrilha!
Sem mencionar que o chefe da casa de telhado de vidro, o nosso legislativo, que deveria fiscalizar o poder executivo, é conhecido por se defender de um crime hediondo que ninguém nunca lhe atribuiu, utilizando uma improvável tese do "clone"!

E todos fingem que há uma normalidade.

Só nos resta esperar que alguma operação policial/justiça varra essa administração do mapa. Ou a interrupção dos royalties. Enfim, não há solução política institucional para nossa cidade.

Enfim, sonhar não custa nada.

3 comentários:

Anônimo disse...

Eu gosto muito dos seus textos e gostaria de poder compartilhar no facebook ou orkut. Coloque no final dos seus textos essas possibilidades para só clicar p divulgar. Abraços

douglas da mata disse...

Caro Comentarista,

esse blogueiro domina pouco essa tecnologia.

preciso de um tutorial, portanto, espero sua ajuda para explicar a esse analfa-cibernético o "como-fazer"

um abraço

douglas da mata disse...

descobri.