quinta-feira, 26 de maio de 2011

Notícias de SJB.

Suplementação de R$ 51 milhões gera polêmica mais uma vez
Nesta quinta-feira (26), pela terceira vez consecutiva, os vereadores da bancada da situação do município de São João Barra saíram do plenário antes do término da sessão legislativa. Após a votação dos requerimentos, o líder da bancada, Aluízio Siqueira, deixou a Casa alegando que o pedido de suplementação de R$ 51 milhões, enviado pelo Poder Executivo – não constava na Ordem do Dia.  
- Mais uma vez a gente está vendo o descaso e a falta de respeito que esses vereadores estão tendo com o público e com os servidores deste município – desabafou o primeiro secretário, Carlos Machado da Silva (Kaká). Em seguida, o segundo secretário, Antônio Manoel Machado Mariano (Camarão) lembrou que o plenário é soberano. “Eu gostaria que essas pessoas assumissem por que estão agindo assim. A população não tem nada a ver com isso não. Vamos aprovar o que é em benefício do povo”, disse.
Reunião – Os vereadores iniciaram a sessão legislativa com a discussão da ata da reunião anterior. Logo após, o primeiro secretário, Carlos Machado da Silva, (Kaká)  leu os projetos de lei 008/11 e 009/11, enviados pelo Executivo e que dispõem, respectivamente, sobre a concessão de reajuste anual de 7% aos servidores públicos e a abertura de crédito adicional suplementar no valor de R$ 17.457.500,00. Após a leitura, os projetos foram encaminhados às comissões de Justiça e Redação e Finanças e Orçamento.
Dos três requerimentos da pauta, dois foram para pedidos de informações. O vereador Alexandre Rosa, no requerimento 085/11, pediu à Mesa Diretora da Câmara que providencie cópias das resoluções e atos praticados pela Casa neste ano. Já o vereador Gerson da Silva Crispim (Gersinho) pediu à Secretaria de Educação (requerimento 096/11) que justifique o motivo que tem levado os professores do Ensino Médio, do Açu, a abandonarem as suas funções.


-- 
 
Câmara Municipal de São João da BarraRua Barão de Barcelos, nº 88 - altos, Centro, São João da Barra
(22) 2741-1301
 

Nenhum comentário: