segunda-feira, 30 de maio de 2011

Cadê écinho, uai?

Como publicamos aí embaixo, não é só o Estado que é seletivo. A mídia também. 
E como sabemos, isso não é mera coincidência, mas conseqüência. Onde está a causa e onde está o efeito, vai depender de cada caso, mas o corte de classe, que destina os rigores da Lei, e das cadeias, aos pobres e aos "inimigos do rei", e um tratamento diferenciado por parte da mídia, que preserva ricos aliados, mas execra pobres e "inimigos do mesmo rei", é um traço comum, e conspurca a Democracia tupiniquim, de cima até embaixo, nos grotões e nos centros cosmopolitas.

Veja o bom texto do blog do jornalista Rodrigo Vianna, sobre o sumiço do mineirinho écinho (o que come nem tão quieto assim), o bom moço das alterosas, da lista dos parlamentares donos de rádios e canais de TVs com concessões públicas.

Leia e retire daí suas conclusões. Já é uma boa pista para saber porque a mídia protege sempre uns, enquanto achincalha outro.

ô foia, ixprica pro modiquê o nome de écinho num tá na tar de lista?

4 comentários:

Anônimo disse...

Aqui em Campos tem um blogueiro co Dr na frente q faz sempre isso. Hj ele publicou uma carta de uma mãe reclamando q a escola da PMC falta merenda, mat. escolar, enquanto q o filho de uma amiga estuda c bolsa numa escola particular q tem tudo. Inclusive rebendo dinheiro da prefeitura, lanche na cantina de graça... Aí eu fiz um comentário q é sabido de todos q nos bairros e distritos as escolas particulares tem o apadrinhamentodos de veradores(muitod deles são os donos dessas escolas) p engordar os cofres dessas escolas particulares. Ele não aceitou o meu comentário(pq é um maior morde e assopra) e colocou um dele debochado.
Vai esperar o q de um cara desse q elogia Albertinho por inaugurar praçasw

douglas da mata disse...

Caro comentarista,

Seu comentário é oportuno, e não apenas pela citação de um caso em particular.

Mas, antes, pela possibilidade de discutir esse tema na blogosfera.

A mídia tradicional carrega as contradições e corrosão de valores da nossa sociedade, com os filtros dos interesses que ela defende.

A blogosfera é uma instância totalmente diferente, mas também lida com informação, portanto, há um reflexo dessas mesmas contradições as quais nos referimos aí em cima.

No entanto, o desdobramento, a repercussão são sempre diferentes, pois além de todas as outras particularidades, a rede possibilita que você (como acabou de fazer) fure os bloqueios e as censuras, e cobre coerência.

Obrigado, e grato pela participação.

Anônimo disse...

Valeu Douglas! Ainda bem q existe pessoas(como vc) e espaço(como este).
Inteligência, imparcialidade, coragem, independência. Esse é o blog Planície Lamacenta!
(Só não pode inflar!! Rsrsrsrsrs...)

douglas da mata disse...

Bom, para "desinflar" eu lhe digo: imparcial não, isso não existe.

Aqui temos lado, sim senhor.