quinta-feira, 26 de maio de 2011

Adivinhe quem vem para o jantar?

No reino do faz-de-conta, em uma planície muito, mas muito longe daqui, os vereadores fingem debater o Orçamento, uma mera peça de ficção, que é executado ao sabor dos interesses dos prefeitos locais, sem que nenhuma informação sobre o uso desses recursos é enviada aos parlamentares, que, satisfeitos, assinam o cheque em branco anual.

Claro, como manda a Lei, chamam a sociedade para audiências públicas. É preciso manter as aparências de civilidade.

Escaldadas, nenhuma das entidades sérias se dispõe a legitimar tal farsa.

Se negam a sentar à mesa para jantar com canibais. Sabem que serão o prato principal do cardápio do ritual antropofágico populista.

E assim a História desse rico reino avança, pisando forte e esmagando a Democracia.

Nenhum comentário: