quinta-feira, 24 de março de 2011

O PV, os galinhas-verdes e a joana d'arc da floresta!

 Bom, depois da inflexão radical conservadora nas últimas eleições, aprofundando um processo que já se delineava aqui e ali, com adesão, durante anos, dos verdes a césar maluco maia, no RJ, e outras alianças programáticas à direita em outros cantos do país, o PV, finalmente implodiu.

Depois de servir de plataforma para a demotucanalhada em 2010, tendo a joana d'arc da floresta, marina silva, à frente, o partido "colhe os frutos amargos" do ostracismo provocado pelas escolhas equivocadas de sua candidata. Como toda a oposição conservadora, estão sem rumo!

Aliás, o lixo da História é o lugar apropriado a ex-senadora. Quem sabe ali encontra um jeito de se reciclar!

Já vão tarde!

5 comentários:

Reflexões disse...

Douglas,

Seus comentários no BLOG são tão amargos, tão ácidos.. estranho não é este o cara que conheci.

Exemplo, vc dizer que a lista que o PT vai entregar ao Ministro da Saúde deve ser jogada no lixo talvez no próprio aeroporto, me faz pensar, qual seu partido político?

Ao que eu saiba vc é do PT e porque não engrossa as fileiras em solidariedade? Criticar é mais fácil?

Peço que reflita.

Um grande abraço
Gianna

douglas da mata disse...

Gianna, minha cara, como vai, tudo bem?

Veja bem, a acidez (não considero amargura) é uma questão de estilo, adequada a cada situação. Não dá para ser "doce" com determinadas passagens.

Amarga é a situação do PT de Campos e do RJ.

Me solidarizo com o PT e com o governo Dilma, mas não posso, em nome da coerência, que muito prezo, abandonar as críticas ao que considero errado.

Solidarizar-me por solidizar-me é muito mais danoso a vida política do partido, que as minhas críticas ácidas. É nesse ambiente de solidarismo corporativista que viscejam o populismo e o caciquismo, que eu, como você, condenamos.

A dúvida, a crítica, são o motor do conhecimento, do avanço da Humanidade.

Agora, repito, tudo é uma questão de estilo, e isso são escolhas.

Legitimar as suas pressupõe entender e legitimar as minhas.

Um forte abraço.

Cabrundo do Chuvisco disse...

... e dá-lhe porrada!!!

até breve

Reflexões disse...

"Cabrunco" é um termo que quando escuto sei que é campista. Mas, como é Cabrunco do Chuvisco, bem que podia trazer pra mim e pra Douglas não?

Porque "porrada" eu não vi nenhuma, somos velhos conhecidos e companheiros.

Quem ri por último, ri melhor.

ESTOU ESPERANDO MEU CHUVISCO TÁ? E DOUGLAS TB!

Anônimo disse...

Assim se aparam as arestas, debatendo com respeito e sem xingamentos.
O silêncio da indignação é péssimo, os que discordam mas não se pronunciam não somam nada, nem ao debate e nem às atitudes e diretrizes futuras.
Parabêns à Giana e ao blogueiro, posicionamento antagônico, mas respeitoso. Vitória do debate, vitória da democracia.