segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

A Frente sempre um passo atrás!

Que bom que algumas sugestões nossas (quinta-feira, dia 03/02, no texto: A Frente de costas para a realidade) tenham sido incorporadas pela "agenda".

Leia o texto que postamos, e compare com a divulgação das deliberações de hoje, divulgadas em blogs e na mídia:

A Frente de costas para a realidade!

Mede-se a capacidade de lutar pelo interesse público pela coragem em enfrentar agendas "impopulares".

Vítimas e cúmplices de um processo de "prefeiturização" das relações sócio-politicas, alimentadas pela manipulação e desvio de bilhões e bilhões de reais, a comunidade campista alimenta uma
indigna-ação, como na música dos mineiros do Skank " Nossa indignação é uma mosca sem asas, que não ultrapassa a janela de nossa casas".

Nossa frente democrática é sem povo. Sua indignação é uma mosca sem asas. Uma
indigna-ação.

Assim, seguimos a cometer os mesmos erros, e esperamos resultados diferentes.

Os atores(
strictu e lato sensu) da frente democrática sem povo nunca foram a uma associação de moradores para ouvir quais são as reais necessidades da população, suas expectativas e demandas.

Nenhuma reunião fora do eixo central da cidade. Como política se faz por símbolos, esse é um reflexo poderoso!

Embora conte com vários parlamentares, ligados aos partidos que fazem parte desse
estranho movimento, nenhuma reunião alcançou os eleitores desses parlamentares, como se pretendessem mantê-los "à salvo", ou em uma "reserva estratégica", a fim de promover seus projetos pessoais.

Trazer esse eleitorado a pensar a cidade?

Nem pensar! Depois como arrebanhar votos de gente que foi convidada a pensar a política de forma diferente? Diferente da forma que eles mesmos utilizam para ganhar votos?

Eu não tenho dúvidas que um dos principais problemas dessa cidade, do ponto de vista popular, e do ponto de vista da moralidade e legalidade é o transporte coletivo e o repasse escandaloso feito às empresas de ônibus, em concessões ilegais, cuja auditagem e validação dos bilhetes é uma piada de mau gosto com o contribuinte, mas não obtém da "frente" nenhuma atenção pelos motivos óbvios:

Medo, ou falta de coragem cívica, como gostam alguns! Isso para não sermos levianos, a ponto de sugerirmos algum outro interesse com o empresariado do setor.

Qualquer que seja a causa, os efeitos se igualam, ou seja:

População transportada em pocilgas à diesel, serviço haitiano, e dinheiro público
pulando as catracas.

Como mundo alternativo, o transporte pirata!

Enquanto isso, a frente democrática sem povo brinca de fiscal de obras! 



Agora compare com o que foi "aprovado" (Blog do Fernando Leite), os grifos são nossos:

A Frente Democrática de Oposição realizou mais uma reunião ordinária, nesta segunda feira, 7, pela manhã. A pauta foi extensa e por isso vou pontuar as deliberações aprovadas pelo plenário:

"(...)ASSOCIAÇÃO DE MORADORES

Ficou definida a data da próxima quarta feira, 9, às 10h, na sede do PRP, para uma reunião da direção da Frente com presidentes e representantes das Associações de Moradores de Campos. A agenda prevê, entre outros itens, a inclusão de uma representação deste movimento comunitário na Frente Democrática.
Na semana seguinte, será a vez de uma reunião com o Movimento Sindical.

TRANSPORTE COLETIVO

A Frente definiu para os dias 15, 16 e 17 próximos, uma panfletagem no Terminal Rodoviário Urbano Senador Luiz Carlos Prestes, no centro da cidade. Um questionário será distribuído para que a população responda a uma enquete sobre a qualidade do serviço prestado. Na mesma ocasião, o manifesto da Frente será amplamente divulgado.
Paralelamente, a Frente vai encaminhar à prefeita pedidos de informações sobre valor dos repasses mensais às empresas e qual mecanismo de controle está sendo utilizado para aferição do número exato de passageiros atendidos.

PARECER TÉCNICO SOBRE AS CASAS

A Frente aprovou o parecer técnico da visita de inspeção às casas populares do Parque Eldorado e entorno da lagoa Maria do Pillar, da engenheira Ana Paula, mas só o divulgará após confrontá-lo com os pareceres do CREA, ANFEA e IFF, o que poderá ocorrer ao longo desta semana.

BEIRA VALÃO

Sobre a inspeção às obras de maquiagem da Beira Valão, realizada há 15 dias, termina hoje, sexta feira, o prazo para que a prefeita faça a entrega das respostas aos questionamentos técnicos solicitados, via gabinete parlamentar da vereadora Odisséia Carvalho. Se não houver manifestação formal do governo, amanhã, a comissão jurídica da Frente vai buscar amparo no Judiciário.


(...)" 




Nossa mãe, demorou, não?

Agora está por conta deles, não dou mais "colher de chá" de graça. Vamos ver se eles enxergam algo mais que um palmo à frente dos narizes.

Enfrentar essa "frente" é mais fácil que empurrar bêbado da ladeira. Não é porque garotinho é muito bom, ele não tem (nem nunca teve) é adversário por aqui!

Nenhum comentário: