sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Casa de ferreiro, espeto de pau!

Segue um trecho de um texto publicado no Blog do Núcleo, supostamente, escrito pela vereadora do PT:

"(...)As mudanças no país são inegáveis, embora boa parte da mídia tenda a ignorar os avanços e criar factóides como uma cortina de fumaça em face aos avanços do Brasil nesses últimos anos, que além de criar melhores condições de vida para a população ainda apresenta um protagonismo internacional.(...)"

Seria um ótimo tratado de intenções de como manter relação em relação a mídia, caso no caso dela(desculpem a cacofonia)não se tratasse daquelas que enchem o inferno, eivadas de hipocrisia e contradições irremediáveis.

Ora, não é nessa mesma filial local do PIG que a vereadora hospeda sua voz institucional e de seu mandato?

Esquizofrenia garopetista é isso aí!

E segue a relação utilitarista de mão dupla, embora de efeitos assimétricos, tipica dos vínculos de dominação: Enquanto o veículo posa de plural, a vereadora afunda sua credibilidade em busca do reconhecimento dos "patrões"!

O que vale no meu país, eu contrario na minha cidade!

Nenhum comentário: