domingo, 22 de agosto de 2010

Clima, indiferença: as sementes da intolerância!

Novas inundações ameaçam 200.000 pessoas no Paquistão. É o que diz a página eletrônica do El País. Cerca de 20 milhões de paquistaneses foram atingidos pela maior enchente dos últimos 80 anos. Pelo menos de 1.539 mortos!

Como se não bastasse os números dramáticos, em um país com as características sócio-econômicas do país, a tragédia acende entre analistas e especialistas locais mais um alerta: O desastre natural atrasará a economia local em alguns anos, quem sabe décadas, e a nação corre o risco de se transformar em um imenso campo de desabrigados!

Somados aos conflitos internos e externos, de matizes étnica e política, as inundações funcionarão como um combustível a mais para o fortalecimento dos movimentos de violência política, o terrorismo!

As autoridades locais e organismos internacionais de ajuda que trabalham pelas vítimas paquistanesas chamam a atenção para esse fato e denunciam certo distanciamento da comunidade internacional dos esforços de ajuda e reconstrução(quando cessarem as chuvas)do Paquistão!

O preço, como se sabe, será sempre mais caro que as contribuições necessárias: Mais desequilíbrio e instabilidade para uma região volátil!

Nenhum comentário: