quinta-feira, 1 de julho de 2010

Dúvida cruel!

É bom o oficial de justiça, que entregará a decisão, que ato contínuo ensejará a posse do "novo" prefeito, peça um exame de DNA, comprovando a identidade dele.

Vai que é o clone que está ali, e não o original. Ou será que o original é o clone e vice-versa? Putz, confundi tudo!

Nenhum comentário: